Estou em Porto Alegre e aqui vou permanecer por duas semanas para fazer um curso. Aproveitei o sábado ensolarado para dar uma volta e respirar o ar da cidade. POA tem vários aspectos idiossincráticos e pretendo apurar meu olhar para desvendá-los e descrevê-los.
 
Hoje andei pelo Parque da Redenção e foi uma experiência renovadora. A Redenção é um lugar de natureza exuberante no meio da selva de pedra. E a impressão que tive é que os moradores da cidade valorizam e cuidam do lugar. O parque estava cheio de prováveis frequentadores, casais, famílias, cães e atletas correndo. Uma paz incrível…
 
Registrei tudo em uma super máquina compacta com uma técnica desenvolvida para quem não sabe nada de fotografia: mire e bata. Ou seja, fiz o que pude.  Apresento então, meu ensaio: “E a redenção acontece”.
 

 

SAM_1071

Talvez eles foram, algum dia, patinhos feios…

SAM_1073

Mas aqui só existe o belo…

SAM_1081

(…) a Criança Eterna acompanha-me sempre. A direção do meu olhar é o seu dedo apontando. O meu ouvido atento alegremente a todos os sons (…) – Fernando Pessoa –

 

SAM_1083

Elas são onipresentes…

SAM_1085

SAM_1091

Só se ouve o barulho de seus tênis rapidamente tocando o chão de pedrinhas.  A corrida é um ato solitário e silencioso.  Funciona quase como uma meditação. 

SAM_1094

Tranquilamente, este homem carrega a infância de muita gente…

 

 

SAM_1096

Meu olhar invadindo sutilmente a vida privada… :~

SAM_1099

Mais uma vez. Sim, lá atrás, um casal namorando…

SAM_1103

(…) e gozando nosso segredo comum,  que não há mistério no mundo  e que tudo vale a pena (…) – Fernando Pessoa – 

SAM_1104

SAM_1107

Mais parece um véu…

SAM_1110

Luzes e sombras desenham o chão do parque…

SAM_1112

SAM_1114

Casais são presença constante… 

SAM_1116

SAM_1117

Compondo o cenário de maneira divertidíssima…

SAM_1120

Tapete de folhas.  Uma cortesia da natureza para os frequentadores…

SAM_1129SAM_1131SAM_1137SAM_1144SAM_1146SAM_1148

SAM_1153

Os objetos estão no perímetro cercado da Administração do Parque.  Lá no fundo, um placa escrito: “Eu amo Porto Alegre”.

SAM_1154

SAM_1161

Gatinhos “lagarteando” ao sol…

SAM_1162

SAM_1186

Casal namorando, morador de rua trabalhando…

SAM_1192

Frente a frente: imponência dos prédios parecem querer desafiar imponência dos coqueirais…

SAM_1194

Concreto e Asfalto: há, Vida Real…

 
Se você gostou, compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on TumblrPin on Pinterest

Comments

comments